Introdução

Desde que me conheço por gente, escuto e também reclamo da política brasileira, situação que vem piorando ao passar dos anos, por motivo do povo estar perdendo a noção dos princípios morais. O mundo político é uma representação de nossa sociedade, onde há honestos e desonestos, os desonestos ganham espaço porque os honestos se calam, ou não sabem como agir. Lembrem-se: “onde bandido manda o povo paga”.

Na ultima eleição a deputado pretendia votar em um determinado candidato, por ter um passado conhecido e limpo, porem antes de dar meu voto fui verificar o que havia feito em seu mandato anterior, para minha surpresa, seus projetos eram: nomes de praças, nomes de ruas, etc: como outros projetos fúteis de outros deputados: dia da pizza, dia do mel, etc. Projetos votados a alto custo, pago pelo povo.

Daí surgiu a vontade de elaborar um veiculo que tenha por finalidade, publicar idéias do povo discutidas pelo povo, e que possam serem aproveitadas por aqueles políticos honestos que não tem idéia de como ajudar nosso País.

Declaro que não represento nenhum partido politico, minha intenção é por um Brasil melhor.

domingo, 27 de novembro de 2011

Mecanismo de proteção ao povo


O Ministério Público deveria ter o poder de convocar plebiscito para avaliação de normas  e leis criadas pelos políticos,  haja visto que enfrentamos   uma verdadeira avalanche de tributações com o intuito de cobrir buracos criados por corrupção e interesses escusos de políticos e empresários, estamos vivendo uma ditadura onde o povo brasileiro vem sendo massacrado e obrigado a sustentar uma corja que nada faz para o bem do País.
Não digo que sejam todos corruptos,  porem vence a maior força.

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Controlar uma fraude


Ate que enfim uma ação pública contra Controlar e Sr. Kassab.

Já havia efetuado várias reclamações sobre as mazelas da Controlar.

O maior absurdo foi:  carro gas/gnv aprovado pelo Inmetro “CATA”, que é o órgão regulador das normas, quem efetua as aferições dos aparelhos, amparado por lei Federal, e mais, identifica o problema do veiculo para que possa ser reparado, dentro dos 30 dias não cobra por outras inspeções, e o valor pago é reduzido no IPVA.

 “ Pasmem, não foi aprovado na Controlar”

O laudo do Inmetro, lei Federal, não vale para a Controlar, lei Municipal.

Uma inspeção com cunho ecológico que não seria cobrada; depois seria cobrada mas devolvida; foi cobrada não devolvida e quem não fez teve de pagar sem a prestação de serviço. No ano de 2011 o reajuste da taxa não foi suficiente, passaram a inventar defeitos visuais de forma que vários veículos tivessem de retornar por mais de 1 vez e ter de pagar uma 2ª taxa, a inspeção que tinha  por finalidade melhorar a qualidade do AR, passou a ter por finalidade principal a arrecadação, diga-se ROUBO.

Parabéns Ministério Público Estadual:

Espero que quebrem os sigilos fiscais das pessoas envolvidas, e que sejam punidos com o rigor da Lei.
Eu iria alem, formação de quadrilha, pois os funcionários foram orientados a criar defeitos, e quando solicitado a presença do responsável, este alegava não poder fazer nada, que a inspeção já havia sido bloqueada.