Introdução

Desde que me conheço por gente, escuto e também reclamo da política brasileira, situação que vem piorando ao passar dos anos, por motivo do povo estar perdendo a noção dos princípios morais. O mundo político é uma representação de nossa sociedade, onde há honestos e desonestos, os desonestos ganham espaço porque os honestos se calam, ou não sabem como agir. Lembrem-se: “onde bandido manda o povo paga”.

Na ultima eleição a deputado pretendia votar em um determinado candidato, por ter um passado conhecido e limpo, porem antes de dar meu voto fui verificar o que havia feito em seu mandato anterior, para minha surpresa, seus projetos eram: nomes de praças, nomes de ruas, etc: como outros projetos fúteis de outros deputados: dia da pizza, dia do mel, etc. Projetos votados a alto custo, pago pelo povo.

Daí surgiu a vontade de elaborar um veiculo que tenha por finalidade, publicar idéias do povo discutidas pelo povo, e que possam serem aproveitadas por aqueles políticos honestos que não tem idéia de como ajudar nosso País.

Declaro que não represento nenhum partido politico, minha intenção é por um Brasil melhor.

quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Indignado!


Nasci em 1.954 quando tive minha infância até fase adulta no período de conflito entre comunismo e autoritarismo, nas escolas ensinavam o sonho do paraíso, Karl Marks, os heróis: Che Guevara, Fidel Castro e outros, felizmente soube diferenciar a realidade de sonhos e não me envolvi com o lado errado.

Após a abertura política vivi o descontrole financeiro que massacrava a maioria dos trabalhadores, fomos de período de congelamento a inflação de quase 3 dígitos ao mês, felizmente meus conhecimentos me ajudaram a passar por esses períodos sem muitas turbulências, dificuldades sim, mas tudo sobre controle. Fui criticado quando comentei na faculdade que nós brasileiros não estávamos preparados para viver em plena liberdade, avisei que o tempo ia provar.

O tempo mostrou quem eram os monstro e os mocinhos, houve abuso de ambos os lados, porem um querendo destruir a sociedade e o outro querendo construir uma Nação livre.

Alguns Povos caíram no conto de fada e o resultado que vimos no decorrer das décadas foi de um golpe ancorado por mentiras e poder, Nações escravizadas e isoladas do mundo; motivo pelo qual venho participando das manifestações contra o pode dos bandidos, sou totalmente apartidário, luto pensando nas gerações futuras, pois sei enfrentar as crises.

Estou indignado por estar vivendo em um período de conectividade e muitas informações, nossos jovens não estão sabendo analisarem os fatos e discernirem sobre o melhor para o futuro, estão caindo no mesmo conto de fada do passado e acreditando em falsos heróis, a maioria ainda dependem de seus pais, não sabem o que é ver seu salário terminar 10 dias após recebe-lo.

Cabe lembrar que muitos educadores estão doutrinados a fazerem a cabeça dos jovens para destruírem a Nação, não acreditem em tudo, pesquisem antes de definir seu lado, lutem pelo que acredita não seja levado pela onda.